O que é o Database Marketing


As empresas possuem formas de emplacar com suas estratégias e práticas de marketing, e algumas podem ser melhor aproveitadas do que outras, dependendo da organização e do contexto. Hoje, falaremos sobre o Database Marketing e sua importância.

O texto a seguir abordará a influência do Database e como ele pode impactar no dia a dia do seu negócio, mostrando os benefícios e vantagens de se investir nessa frente de trabalho, além de algumas dicas de aplicação que podem ser utilizadas como orientação.

A importância de utilizar o marketing

Muitos gostam de falar que o marketing é a alma de qualquer organização, pois desde uma empresa logística até uma empresa de cobertura metalica precisa saber se promover e se vender, fazendo com que mais pessoas conheçam o seu trabalho e acabem consumindo-o.

Dependendo do ramo de trabalho no qual a organização desenvolve e comercializa o seu produto, esse trabalho pode ser mais fácil ou mais difícil, até mais concorrido, mas sempre é indispensável para qualquer marca que deseja expandir seu alcance e aumentar suas vendas.

Com a chegada da era digital, o avanço da tecnologia e a popularização da internet, tornou-se muito mais difícil atrair a atenção dos leads e convertê-los em clientes, mesmo que a sua empresa comercialize algo específico como brindes corporativos ecologicos.

Tanto as prioridades das organizações quanto dos clientes mudaram e muito. Hoje em dia, as pessoas buscam facilidades, velocidade e passam muito tempo conectadas a internet e, com a chegada do e-commerce, a concorrência para as empresas aumentou e muito.

Por causa disso, as pessoas são bombardeadas o tempo todo com propagandas e estratégias de marketing de empresas, criando uma espécie de imunidade ou resistência, tornando mais difícil que você venda seus rótulos personalizados para aquele cliente.

Em outras palavras, os usuários – os leds – ganharam muito pela grande quantidade de possibilidades de compras, diversos tipos de preços e os mais variados produtos. Em contrapartida, é muito mais difícil se destacar no mercado com tantas marcas competindo.

Sendo assim, o marketing se torna essencial para atrair os seus clientes e, os tópicos a seguir, explorarão o database marketing e mostrar como ele pode ser aplicado e utilizado até por um fornecedor de flores, desde que os estudos sejam realizados.

Entenda o conceito de Database Marketing

De forma simples e direta, o database marketing nada mais é do que um banco de dados criado e que reúne muitas informações continuamente voltadas para as diversas ações de marketing, utilizando-as para conquistar os clientes e agregar valor para a marca.

Através de softwares e programas, além de estratégias e práticas voltadas para esse fim, tais informações são utilizadas para promover produtos, melhorar relacionamentos, gerar engajamento e, obviamente, aumentar o número de vendas de um produto, como cartucho de toner.

Pense em uma grande tabela de Excel com suas inúmeras linhas e colunas cheias de informações dos clientes, agora, ao realizar a integração de todos esses dados, é possível investir em diversas frentes do marketing e desenvolver caminhos que possam ajudar em todos os pontos citados.

Sendo assim, quando pensamos em database marketing, alguns dos benefícios que podem ser adquiridos, mesmo que o foco da organização seja o comércio de placas em acrílico personalizadas, são:

  • Mais informações para desenvolver estratégias;
  • Maior alcance de sua marca;
  • Maior número de vendas;
  • Engajamento e reconhecimento do público;
  • Maior autoridade no seu segmento de negócio.

Com a utilização correta do database marketing, é possível organizar, segmentar, organizar e marcar informações e utilizá-las de acordo com a necessidade do seu negócio, sem mencionar a possibilidade de sempre deixar os dados atualizados para uso futuro.

Nessa realidade, a segmentação para ajudar em tal organização em sua empresa, independentemente se o objetivo é ofertar serviços ou estudos de impacto ambiental, pode ser dividida em perfis demográficos, de aquisição, tecnológicos, de atividades e de transações.

Os dados e perfis demográficos lidam com toda informação que refere a características de uma pessoa dentro de uma população, como sua idade, sexo, gênero, grau de escolaridade, entre outros.

Os de aquisição se referem aos perfis que chegaram a sua empresa por meio de campanhas ou canais, enquanto os tecnológicos se referem também aos canais, mas diretamente aos dispositivos tecnológicos preferidos do seu consumidor.

Estatísticas e dados de controle de acesso para portas também podem ser utilizados nos dois últimos perfis. Os dados de atividade se referem às interações e engajamento do seu público, enquanto o de transação se refere às compras, trocas, utilização de tickets médios e frequência de compras.

Utilizando o Database Marketing

Agora que já ficou mais claro como o database marketing trabalha e funciona, chegou o momento de conferir algumas das dicas para aplicá-lo de maneira correta e entender mais a fundo quais ações podem ser realizadas para aproveitá-lo ao máximo.

Confira então os tópicos a seguir, tendo uma excelente orientação e um norte de por onde começar quando o assunto for o DBM.

01 – Invista em Lifetime Value

Para aqueles que ainda não sabem, o lifetime value é uma espécie de métrica que determina o ciclo de vida de um cliente para a empresa, ou seja, quanto de dinheiro ele gastará durante seu relacionamento com a organização.

Como o database marketing ajuda a empresa a calcular melhor esse período e conseguir se organizar para possíveis situações que possam vir a acontecer no futuro ou resolver problemas atuais. Em outras palavras, é mais informação para que a sua organização utilize a seu favor.

Em outras palavras, utilize o DBM de maneira inteligente para conseguir ainda mais informações do usuário, afinal, de uma maneira ou de outra, ele ainda trabalha com a jornada do cliente, ajudando a sua marca a ter uma maior estimativa e mais controle de algumas situações.

02 – Promoções sazonais

Sabemos que o DBM é muito efetivo em adquirir informações e utilizá-las a favor da empresa e, quando pensamos em datas sazonais, ele muito provavelmente será o carro chefe do negócio por conseguir traçar diversos perfis de potenciais compradores.

Algumas datas especiais como Dia das Mães, Dias dos Pais, Dia das Crianças e Natal são apenas exemplos de quando as pessoas estão mais dispostas a gastar e, consequentemente, as demandas e procuras apenas aumentam.

Esse pode ser o momento onde a sua empresa investirá um pouco mais de capital em uma grande campanha para chamar a atenção dos leads e conseguir mostrar o seu potencial para eles, conseguindo até mesmo aumentar o alcance da marca e atingir novos públicos.

E, somente com um bom planejamento e controle dos dados e informações sobre os clientes, sem mencionar da exatidão e precisão deles, é possível traçar uma boa estratégia e ter maior conhecimento dos riscos e das possíveis recompensas de tais campanhas.

03 – Mensagens personalizadas

As mensagens personalizadas são formas simples, mas eficazes de chamar a atenção dos clientes e mostrar a eles que a sua empresa tanto se preocupa em oferecer do bom e do melhor quanto para aumentar o engajamento e anunciar campanhas e promoções.

Muitas dessas mensagens são enviadas por e-mail com a utilização em conjunto do e-mail marketing, e são ótimas no quesito efetividade, principalmente quando o layout e o marketing de conteúdo são parceiros e grandes auxiliares.

Como a organização tem acesso ao banco de dados dos clientes, é possível saber qual foi seu último contato, quais foram as suas pesquisas, o que ele comprou, por qual produto se interessou, entre outros detalhes.

Novamente, são informações de grande valor e que podem ser a diferença entre um marketing bem-feito e aplicado de um que não gera tantos resultados.

Com a ajuda de programas e softwares, é possível cruzar as informações e entender os períodos de maior compra e, novamente, criar campanhas únicas sobre os produtos em específico e, logo depois, enviando uma mensagem ao usuário.

Lembre-se, esse tipo de preocupação e diferencial são muito bem-vindos em seu negócio.

Considerações finais

O Database Marketing, como foi possível perceber, é uma ótima forma de utilizar as informações dos clientes de forma inteligente e efetiva. Existe um ditado popular que diz “Informação é poder” e, nesse caso, é totalmente verdade.

A partir de dados dos seus clientes, crie campanhas que sejam efetivas para o seu negócio e que se misturem com a real essência e a mensagem que quer passar para seu público.

Claro que muito pode variar dependendo do ramo de atuação e do segmento de mercado, mas adapte as informações disponibilizadas para a realidade da sua empresa.

Não é à toa que essa estratégia de marketing cresceu muito ao longo dos últimos anos. Por isso, estude o máximo que conseguir dela e comece o mais cedo possível a aplicá-la em seu negócio.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.